banner
4 meses atrás
855 Visualizações
7 0

George Soros foi hackeado e milhares de documentos da “Open Society Foundation” foram divulgados na internet

Escrito por
Compartilhe:

Mais de 2.500 documentos do aglomerado de organizações comandado pelo bilionário George Soros foram revelados por hackers.

O vazamento de sábado, publicado pelo DC Leaks, inclui centenas de documentos internos de múltiplos departamentos dos grupos de Soros, predominantemente da Open Society Foundations.

 

Mike Doran @Doranimated

“Alguém hackeou Soros. Seus críticos vão estar ocupados hoje. Só este documento já mostra toda a rede anti-Israel de Soros.”

 

King Robbo @realkingrobbo

“Ignore as manifestações, Soros acaba de ser hackeado e vazado! #SorosVazado (Eu postaria o link mas o Twitter não vai permitir – procure no Google!)”

 

Os arquivos estão agrupados em seções tais como região geográfica, o Banco Mundial e a Sala do Presidente, e cobrem o período de 2008 até 2016, de acordo com o The Daily Caller.

Eles revelam planos de trabalho, estratégias, prioridades e outras atividades de Soros, e incluem relatórios sobre eleições europeias, migração e asilo na Europa.

Cain Raiser @CapuPatriote

Lista completa das ONGS de Soros manipulando eleições em todos os estados da UE.

 

DC Leaks alegam ser o trabalho de ativistas americanos que querem apresentar a verdade sobre “o processo da tomada de decisões nos EUA como também sobre os elementos-chave da vida política americana”.

Experts de segurança dos EUA, no entanto, estão culpando hackers russos, de acordo com a Bloomberg, numa reação similar à vista no despertar dos vazamentos do Comitê Nacional Democrata.

Os hackers do DC Leaks previamente soltaram dados das “Open Society Foundations” em junho, quebra de dados que foi reportada ao FBI, segundo a porta-voz Laura Silber. Ela disse que uma investigação feita por uma firma de segurança e descobriu que a intrusão se limitou a um sistema de intranet utilizado por membros do conselho, funcionários e parceiros da fundação.

DC Leaks também revelou e-mails de um antigo general da OTAN, Philip Breedlove, que mostraram que ele tentou provocar o Presidente Barack Obama a iniciar um conflito dos EUA contra a Rússia. Breedlove alegou à CNN em julho que os e-mails foram roubados como parte de uma operação de inteligência patrocinada pelo estado russo.

RT @RT_com

“Soros deu a Clinton instruções passo-a-passo sobre como lidar com o tumulto na Albânia.”

 

Um e-mail vazado pelo WikiLeaks anteriormente esta semana mostraram que George Soros aconselhou Hillary Clinton durante seu mandato como Secretária de Estado sobre como lidar com o tumulto na Albânia – conselho que ela seguiu.

A “Open Society Foundations” de Soros provê fundos ao Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos, que veio à tona anteriormente este ano depois da liberação dos Panama Papers, que incluíam milhões de relatórios do escritório de advocacia Mossack Fonseca mostrando como os ricos estão usando paraísos fiscais.

O vazamento dos Panama Papers foram criticados pelo WikiLeaks, que alegaram que o governo americano e George Soros fundaram o projeto para atacar a Rússia e o Presidente Vladimir Putin.

Tradução: Otavio Mio.

Fonte: RT.

Compartilhe:
Tags dos artigos:
· · ·
Categorias dos artigos:
Notícias
banner
Foto de perfil de Diversos Autores

Espaço reservado para autores diversos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *